Já perdoou alguém?

Olá rainhas, tudo bom?
Estou desde ontem pensando muito sobre perdão, e resolvi então passar o que penso sobre isso. Até hoje, não vi em lugar algum que perdoar é sinônimo de esquecer. Infelizmente, esquecer é muito mais complicado e creio que só o tempo consegue amenizar certas cicatrizes. Hoje em dia, esquecemos que somos falhos… Talvez por culpa das redes sociais, pois lá, todos são legais, compreensivos e “paz e amor”. Porém, na vida real, nos estressamos, ignoramos, magoamos e somos magoados. Já erraram comigo, mas eu já errei com outras pessoas também e quis me redimir. Logo, o que me torna melhor que alguém ao ponto de merecer perdão, mas não poder dar? Não costumo guardar mágoas, só se for algo super sério, mas sou daquele tipo que se a pessoa fala, eu falo, embora nunca volte a ser como antes. Minha maior dificuldade é pedir desculpas… Engraçado como hoje em dia a gente tem vergonha de expôr o que sentimos, né? Nas redes sociais é um eu te amo pra família, eu te amo pros amigos, ou seja lá pra quem for… Mas, pessoalmente… Quantas vezes falamos essas três palavrinhas? Muito raro, não é mesmo? Pedir perdão por alguma palavra que disse, ou modo que agiu, é tão digno. É tão humano, tão lindo. Mas, ainda assim, travamos. Ainda assim deixamos as pessoas se sentirem mal, magoadas conosco, simplesmente por não conseguir dizer: desculpe, eu errei. Por isso, essa semana decidi mudar muitas coisas… Já que não consigo expôr meu arrependimento, minha vontade de corrigir o que fiz… Que eu consiga pensar antes de agir ou falar. Que consiga respirar fundo quando alguém disser algo que me machuque, e pense melhor se vale realmente a pena levar a mágoa adiante. Afinal, muitas vezes falamos algo sem a intenção de ferir o outro, apenas pelo calor do momento.
Nunca magoei alguém ao ponto de sumirem da minha vida, ainda bem. Mas, já fui “perdoada” e tive que ouvir por meses aquele erro sendo jogado na minha cara. Isso não é perdoar, perdoar é deixar aquilo pra trás e buscar ver no outro as mudanças que foram feitas. Eu me esforcei pra melhorar, mas ainda assim, não conseguia colher os frutos das coisas boas que fazia. Somente se lembravam daquele meu único erro e eu resolvi largar o barco. Afinal, pior do que ser magoado, é você se arrepender dos seus erros, dar o seu melhor e te jogarem na cara o tempo todo, aquilo que você quer esquecer. Portanto, se você não consegue colocar uma pedra sobre o que ocorreu, não finja que perdoou. Se afaste, mesmo que doa. Pois, ninguém merece ser escravo de seus erros por toda a vida. E se você, assim como eu, trava pra pedir perdão, que tal lançarmos uma nova meta? Tentar ser melhor a cada dia, e enobrecer pra pedir perdão. Seria uma boa, hein?! Beijos de luz,

image

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s